E é...


E é um provar-te...de cima a baixo...
de baixo a cima...num querer sem tamanho...num tanto que não sei explicar...
E é ter-te no corpo e na alma...e ter-te em corpo...de todo o jeito e sem jeito nenhum...
E é pertencer-te, sem ser tua...mas não ser eu dona de mim...
nem senhora de coisa alguma...
E é não saber o que é o amor...mas amar, como não sei...
E é...ser-te sem já não te ser...nada de coisa alguma.

*** @rt ***

4 comentários:

  1. A tua sensibilidade é tanta que inquieta Imperatriz :-o

    beijito miúda

    ResponderEliminar
  2. Cada palavra... apaixona-nos.

    Beijos

    www.onossoamorperfeito.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  3. será que algum dia chegaremos a aprender o amor, verdadeiramente...

    ResponderEliminar

Partilha-te...