Dizem-se...


Dois corpos quando se querem, dizem-se...
falam-se em gemidos e contidos,
oram no palanque dos sentidos,
sem nem uma palavra dizer...

*** @rt ***

8 comentários:

  1. Mais uma pérola que nos deixas Imperatriz :-D
    Nada se comprara ás palavras desditas pelo corpo.

    beijito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os corpos são grandes narradores mesmo no seu silêncio...

      beijo

      Eliminar
  2. Eh pá, toma lá o meu email, rjlynce@gmail.com, para quando o teu blogue estiver visível só para leitores convidados, te lembres de mim!

    :))

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo email, sabe-se lá se não me fará falta :-)
      eu lembro-me sempre de ti Jorge tu és um querido amigo tu sabes disso...

      Eliminar
  3. A partir de agora vou ser mais romântico nos comentários...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A tua vertente romântica já a li e deixa que te diga que tens ai um grande potencial (falo da escrita).
      Mas estás à vontade para escreveres o que quiseres, aliás sempre o fizeste não é verdade?
      depois prepara-te para as respostas, mas isso já estás tu acostumado :-)

      Eliminar
  4. heheheh...
    Sem me conheceres, conheces-me tão bem...fico impressionado!

    Responde-me quando quiseres, como quiseres e onde quiseres! Tanto o Intervalo como os Devaneios são blogues livres de condecorações presidenciais, por isso estás à vontade!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sempre estive...
      tu sabes receber quem te visita com honras de estado :-)

      Eliminar

Partilha-te...