Calmas...


   Quando chegares,chega-me pela berma, de forma suave, como quem vem em segredo, como quem vem com o coração nas mãos...como quem quer mesmo...como quem quer muito...como quem sabe o que é realmente (me) querer...
Não tenhas pressa...porque eu já não quero saber o que isso é...traz apenas contigo a vontade de ser, de ser feliz por um dia...por um ano ou pela vida toda.
Vem em passos pequenos, porque estou cansada de correr e de puxar a vida pela mão...traz paz no rosto, afeto no gestos e simplicidade no coração. 
Vem-te a mim em calmas mas em certeza...
Vem em silêncio para tudo me dizeres, e se tiveres que falar, fala-me baixo, para que eu não acorde deste sonho que tenho de um dia ser feliz...

*** @rt ***

4 comentários:

  1. Ele que venha em passinhos de lã :-D
    calma que a nossa Imperatriz dorme :-)

    beijito @rt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu não durmo apenas descanso a vista...
      Ele que venha...

      beijo

      Eliminar
  2. E que assim seja...
    Que traga com ele uma parte de Apolo e outra Poseidon. Que tenha a capacidade de te trazer a luz, mas também de abalar o teu mundo.

    Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Luz...palavra chave Joana. É exactamente pelo que espero, se é que se pode chamar a isto espera mas...chamemos-lhe assim, esmiuçar é ir fundo demais :-)

      beijo

      Eliminar

Partilha-te...