Palavra quente...



Amor, palavra quente,
que dita e falada,
ou até escrita,
queima a alma da gente.
Amor, sempre Amor,
esse Amor tão louco,
que mesmo imenso,
nos saberá sempre a pouco.
Hoje, amanhã e sempre,
há- de existir amor,
na alma de um santo,
ou até num pecador.
Podes fugir da morte,
mas dele não dá p'ra fugir,
podes mandá-lo embora,
que ele não se deixa ir.
Fica entranhado no corpo,
embutido na alma,
essa palavra quente,
Amor que a todos rouba a calma...

                Feliz dia aos que amam...

*** @rt ***


18 comentários:

  1. A forma como ela o puxa para mamar no grelo é uma bonita iniciativa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quando uma mulher toma a liderança é sempre motivo de aplauso.

      Abraço

      Eliminar
  2. Palavras quentes são todas as que escreves @rt.
    Belo poema.
    Parabéns miúda.

    beijito

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pela generosidade das tuas palavras.

      beijo

      Eliminar
  3. quente sem dúvida...tanto que por vezes nos escalda sem misericórdia

    ResponderEliminar
  4. O amor quando entranha na pele e na alma raramente saí...
    O amor enlouquece possui de tal forma que nem o controlo se consegue atenuar...

    Viva o amor !

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Viva o amor!
      vivam todas as loucuras que se faz por ele e em nome dele.

      Eliminar
  5. bonito poema, Ártemis. :)
    não concordo com o último verso.o verdadeiro amor dá-nos muita calma. o que nos rouba a calma é a paixão.
    beijo
    :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Chinezzinha.
      Sabes o amor a mim nunca me deu calma nem dará, sou uma mulher de emoções fortes. O amor sem paixão não me serve, ambos tem de andar de mãos bem dadas.

      beijo

      Eliminar
  6. Imagem e poema maravilhosos. Que o amor fixe residência em todos os corações.
    .
    Deixo um carinho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que fixe-se sim, para o bem a humanidade.

      leva um carinho daqui

      Eliminar

Partilha-te...