Só sei que sinto...



Hoje sinto saudades...não deste ou daquele, mas sim de todos...de todos e de mais alguns...de todas as coisas e mais que as houvesse...
Hoje só sei que sinto, esta saudade sem nome, sem rosto...sem sexo...mas que transforma todos os singulares da minha vida em plurais...
Saudades do alheio e do concreto...e imensas saudades da saudade em particular...

*** @rt ***

3 comentários:

Partilha-te...