Há em mim...


Existem em mim um não sei o quê de coisa nenhuma,
uma tristeza já sem alma,
uma espera sem esperança,
um nada que nem o vazio preenche...
Há em mim uma solidão,
um exílio de qualquer forma de vida,
uma espécie de morte anunciada...
Existe em mim a certeza que preciso morrer para voltar a viver...


*** @rt ***