Se me convidas...


Se me convidas a ficar,
não me digas que posso vir a partir,
porque isso sabes tu, sei-o eu,
que a vida nos pode vir a fugir...
Se me dás o teu corpo,
e da mesma forma recebes o meu,
não nos faças pensar sequer,
que o futuro não será o que vida nos prometeu...
Se me convidas a abraçar-te,
deixa apenas o abraço falar,
não quero palavras que doem,
que fazem o coração sangrar...
Se me deito na tua cama,
é porque lá quero estar,
enquanto for amor o que sinto,
é para lá que hei de voltar...
Quero cada dia como do último se tratasse,
mas sabendo que não será,
não mates em mim a esperança,
porque ela é tudo o que há...
Se houver data marcada,
no calendário do amor,
eu rasgo todas as páginas,
com a raiva da minha dor...
Não quero amor com termo,
não foi esse o contrato que fiz,
prefiro despedir-me antes,
para que possas ser feliz...

*** @rt ***

1 comentário:

Partilha-te...