despida de tudo


Despida de vergonha, visto-me de fantasias...
Faço do teu corpo o meu refúgio...
Quero-te sentir em mim... dentro, fora, por cima, de lado, de qualquer maneira…
Quero alcançar, impregnar-me no teu suor, afogar-me nos teus beijos, matar este meu desejo…
Vem ser o meu homem...
Toma-me, embebeda-te no meu corpo…
Sussurra-me ao ouvido, arrepia-me, faz me gemer de prazer, faz-me tua mulher...
Amada e saciada….

By.:Freya:.

2 comentários:

  1. Uiiiiii até senti o sangue correr mais depressa;)
    Beijos prometidos

    ResponderEliminar
  2. Adoro momentos assim!
    E pelos vistos não sou unico!
    Ainda bem!

    Beijos

    ResponderEliminar

Partilha-te...

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.